Artigos para Autorreciclagem

Frases que nunca deveriam ser ditas às Crianças

O ato de Compreender a Si mesmo contempla um estado de vigília permanente, auto-organização, coragem para aprender a partir das falhas pessoais, e, finalmente, lucidez para compreender que os erros cometidos, quando reciclados, qualificam nossa experiência de vida...
"Não há mistério algum: Uma mente confusa só é capaz de criar mais confusão..."
Frases que nunca deveriam ser ditas às Crianças

O exercício da atenção começa quando percebemos de forma lúcida nossa indisciplina e falta de organização...

Introdução...

Não são as grandes coisas que fazem a diferença, mas os pequenos detalhes que muitas vezes quase não percebemos...

Os pais deveriam ficar mais atentos em relação a aquilo que sai de suas bocas, especialmente no trato diário com as crianças...

Muitas vezes, quando os pais vão dar uma bronca nos filhos, não prestam atenção nas palavras. Assim, acabam usando expressões contundentes, vícios de linguagem patológicos, e como consequência, na maioria das vezes, poderão criar traumas em suas crianças, muitos deles irreversíveis.

Com base em entrevistas com pais, pedagogos e demais especialistas da educação, o professor e psicólogo americano Charles Schaefer, da Dickinson University, elaborou uma lista de frases que jamais deveriam ser ditas às crianças, especialmente sob o domínio das emoções negativas.

Mas, em se tratando de um comportamento social cuja origem há muito se perdeu no tempo, a ponderação é um item imprescindível. Devemos estudar o caso a partir de nossa própria conduta, no dia a dia, através de um vigilante processo de auto-observação.

Depois de identificado o inimigo, conviver com ele é burrice, descartá-lo do nosso repertório cognitivo, um evidente sinal de inteligência e um indício de que a sabedoria é algo que está ao nosso alcance.

Eis as Frases que devemos a todo custo evitar, quando no convívio diário com nossas crianças. Claro que nos referimos aos dois gêneros, embora algumas vezes no texto façamos referência a apenas um deles...

  • "Você é um mau menino..."
  • "Sacrifico minha vida pessoal para cuidar do meu filho, espero que ele reconheça isto mais tarde..."
  • "Eu preferiria que você não tivesse nascido..."
  • "Você nunca vai ser nada na vida..."
  • "Seu pai – sua mãe – e eu estamos nos separando por sua causa..."
  • "Quando eu era da sua idade, voltava da escola a pé e ainda ajudava minha mãe a cuidar da casa..."
  • "Por que você não é como seu irmão?"
  • "Você está agindo como um bebê. Devia sentir vergonha disso..."
  • "Se fizer isso de novo, vou chamar a polícia e mandar lhe prender..."
  • "Faço tudo por você e não recebo nada em troca..."
  • "Eu não acredito que esteja com medo desse cachorrinho tão manso..."
  • "Bem que Eu não queria ter filhos, por isso deu no que deu..."
  • "Por último, para cada "NÃO" um "SIM" que explica o "Não" deve ser dito em seguida."

Desnecessário é dizer que esta lista é parcial. Existem muitos outros pontos, variantes a partir da mesologia e do condicionamento pessoal onde a regra deverá ser examinada.

Examine a partir dos seus traços pessoais onde consegue ver com clareza a presença desse tipo de comportamento. Permanecer em estado de atenção, em alerta máximo, o tempo todo, é uma garantia de que não seremos multiplicadores perpétuos desses estados psicopatológicos.

Leia Também...